“Sua chamada está sendo encaminhada à Caixa Postal”

cell-phone-690192_960_720.jpg

Eu tive inúmeras opções antes de desligar o telefone, estava com incontáveis escolhas, sem essas mesmas me levarem a lugar algum. Só fiquei plantado feito uma árvore e, de pernas cruzadas, ouvindo a uma voz que mesmo falando, continua sem som no meu interior. Decidi e prometi a mim mesmo: não iria mais derramar uma gota sequer dos meus olhos, por quem pouco vale enorme batalha. Este confronto de lados opostos e unidos concomitantemente (eu e eu). No cerne deste tabuleiro, estarias tu, arbitrando à guerra de maneira triunfante.

Tentei arranjar um equilíbrio entre o coração e o cérebro, em vão — Tornaram–se partes competitivas. O músculo pesa, com uma gordura sedenta de sentimentos, sendo eles bons ou maus. Sentir àquela carne bater em meu peito, desgostosa das batidas, puxou–me ao chão, tirando às forças minhas. Contudo, uma fala, que antes era grunhido, agora enorme som, reergueu–me de maneira triunfante, foi quando coloquei a operar meu intelecto. A nuance que os dois pratos da minha balança estiveram lineados, pesando as mesmas e respectivas massas.

É tão difícil largar um vício, e essa mania era simplesmente você. Vós que sois o motivo deste texto. Procurei um ditado e achei o mais certo: “Tem que arrancar o mal pela raiz”. Havia um único problema, eu estava enraizado por ti. Aquele jeito tão obsoleto seu, o cheiro do perfume bem pujante me cercou (e outras coisas mais). Desprendi–me.

Meu travesseiro não aguenta mais suportar as minhas lágrimas, meu espelho daqui a pouco irá rachar de tanto refletir um semblante triste. Há um tempo, aprendi uma coisa, um pássaro nunca irá voar com uma única asa. Outrora sentia prazer, em tempos contemporâneos, sinto dor. Abriu–se uma ferida, daquelas tremendas. Quando era garoto, minha mãe sempre limpava meus machucados. Porém, hoje em dia, eu mesmo tenho de fazer o curativo. Sim, demorará a cicatrizar, todavia, posso acelerar à cura me afastando de vossa pessoa. Talvez tu sejas o motivo desta lesão (ou certeza).

Naquele mesmo espelho que quase rachou, sorri àquele ser quase incolor. Saí de casa decidido a mudar tudo. O problema foi quando o celular tocou e apareceu no visor teu nome. Atendi, e uma palavra sequer saiu da minha boca. Respirei fundo, mais um suspiro e disse para quem estava me ligando: “Auf Wiedersehen” (adeus). Quando chegar a casa, comemorarei com enorme júbilo, a libertação de algo nunca preso.

Anúncios

2 comentários sobre ““Sua chamada está sendo encaminhada à Caixa Postal”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s